Buscar
  • Danilo Zafani

Distribuição de lucros e reinvestimento na empresa

Atualizado: 25 de Mai de 2020



A pergunta para você, amigo empreendedor, é bem direta, para iniciar este post: Você sabe quanto sua empresa lucra, tem uma valor específico de retirada de lucros e deixa uma parte dos lucros para reinvestir no crescimento da sua empresa?


Se você não tem certeza ou se sua resposta foi não, vem comigo que vou falar um pouco mais a respeito de lucro com você.


Primeiro de tudo é premissa básica que você tenha o controle financeiro de sua empresa e saiba o quanto ela está lucrando mensalmente. Isto porque você precisa saber se sua empresa é viável ou não.


Outro ponto importante é você analisar seu fluxo de caixa (já discutimos em outro post sobre este assunto).


Estes são dois pontos que você não deve deixar de acompanhar jamais em sua empresa para ter uma gestão financeira segura e poder tomar decisões certeiras.


Voltando ao lucro, existe algo chamado de DRE (demonstração do resultado do exercício), que vamos lhe mostramos como prepara-la em outro post. Basicamente, por meio dela você pega as receitas, deduz as despesas e acha o seu lucro do mês.


De posse do seu lucro (não é sobra do seu caixa, mas sim o resultado da operação, independente quando o dinheiro das receitas entram ou o pagamento das despesas saem de seu caixa), você, obviamente, vai distribuir uma parte dele, mas apenas uma parte.


Minha indicação é que, após você conhecer a lucratividade e o fluxo de caixa de sua empresa, você determine uma retirada mensal, que possa lhe ajudar em suas despesas pessoais, mas que não retire tudo, mesmo que em um determinado mês a empresa dê bastante lucro e boa sobra de caixa.


Com o restante do lucro que não é retirado, você deve compor capital de giro (quanto mais se vende, maior é a necessidade de capital de giro) e fazer reinvestimento de acordo com um planejamento de expansão da empresa. Ou você quer que sua empresa permaneça como é?


Porém, o que tenho visto é que nossos amigos empreendedores retiram da empresa dinheiro sem um planejamento. E, muitas e muitas vezes, a empresa nem lucro está dando para ser retirado.


Portanto, segue um passo a passo simples de como você deve penar financeiramente a sua empresa:


1) Controle as entradas e saídas de dinheiro.


2) Prepare um planejamento de expansão da empresa.


3) Meça seu lucro.


4) Acompanhe seu fluxo de caixa.


5) Durma sossegado, sabendo que suas decições são embasadas em números e não embasadas no que você acha que é.


Fazendo assim sua empresa terá saúde financeira.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo